12 motivos para fazer um consórcio

12 motivos para fazer um consórcio

O Sistema de Consórcios é uma modalidade de acesso ao mercado de consumo baseado na união de pessoas físicas ou jurídicas. Fazer um consórcio é formar uma poupança comum, destinada à aquisição de bens móveis, imóveis por meio de um autofinanciamento.

Isso quer dizer que, nesse grupo, os consorciados contribuem juntos como uma parcela mensal e formam um fundo do qual todos eles, contemplados por sorteio ou lance, podem utilizar uma parte para adquirir um bem ou serviço.

Se você está pensando em adquirir determinado bem, confira 12 motivos para fazer um consórcio:

1- Diversidade de planos

Pelo consórcio, antes de assinar um contrato com uma administradora autorizada pelo Banco Central, você define quanto precisa para comprar o bem ou contratar o serviço desejado, o valor da parcela que cabe no seu bolso e decide também em quanto tempo deseja pagar as mensalidades, ou seja, o tempo máximo para o recebimento da carta de crédito e a aquisição do bem. Por isso, o consórcio é um mecanismo bastante flexível;

2- Juros zero

consórcio sem juros bhminas corretora de seguros

No Sistema de Consórcios não existem juros. Você paga taxa de administração, essa única taxa paga é para a manutenção do consórcio, frente ao IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) e aos juros normalmente praticados pelos bancos, é bem menor.

Ou seja, no final do parcelamento, o valor pago será essencialmente o que está preestabelecido em contrato.

No financiamento de imóveis, os bancos praticam juros entre 9,5% e 10,2% ao ano, dependendo da entidade financeira.

Já quando o assunto é automóvel, essas taxas ficam em torno de quase 27% também anualmente

3- Parcelamento integral

No consórcio, o valor do bem é dividido integralmente na quantidade de mensalidades pré-estabelecidas em contrato entre o consorciado e a administradora. Dessa forma, para iniciar um consórcio, você não precisa possuir grande parte do valor da compra;

comprar casa com consórcio bhminas corretora de seguros

4- Flexibilidade de uso do crédito

Quando é contemplado, o consorciado pode optar por adquirir qualquer bem pertencente à categoria de seu grupo de consórcio. Ou seja, se você fizer um consórcio para adquirir automóvel, poderá usar o crédito contemplado para comprar qualquer tipo ou marca de veículo que desejar.

Já no consórcio para imóveis você também pode usar seu crédito do consórcio para construir, reformar, comprar uma casa de praia ou um terreno.

5- Poder de compra à vista

A carta de crédito que você recebe ao ser contemplado por sorteio ou lance equivale à compra de um bem ou serviço à vista. Dessa forma, no momento da aquisição, você tem ainda o poder de barganha e de negociação para conseguir benefícios e melhores preços!

6- Valor do bem sempre atualizado

carta de consorcio contemplação bhminas corretora de seguros

Como os consórcios costumam durar um tempo considerável a quantia estipulada na carta no início do contrato pode desvalorizar, já que há a chance de ocorrer uma valorização do produto.

Para isso, a administradora tem a possibilidade de atualizar o valor da carta de acordo com a inflação e aumentar proporcionalmente às parcelas.

Esse reajuste é feito anualmente e tem como base alguns índices:

> Para automóveis é utilizado o IPCA (Índice de Preço ao Consumidor Amplo) ou sempre que a montadora sugerir um novo preço;

> Para imóveis é comumente utilizado o INCC (Índice Nacional da Construção Civíl).

É importante lembrar que esse reajuste precisa estar discriminado em contrato. Afinal, normalmente essa prática é benéfica ao cliente, que não tem seu poder de compra comprometido.

7- Possibilidade de antecipar a contemplação com lance

Além do sorteio mensal, você pode acelerar o recebimento da carta de crédito ofertando lances, que nada mais são do que a antecipação de prestações, diminuindo o prazo de pagamento ou o valor da parcela, conforme estabelecido em contrato.

8- Possibilidade de utilizar até 10% do crédito para despesas

Outro motivo para fazer um consórcio é poder pagar despesas relacionadas à aquisição do bem ou do serviço (como transferências de propriedade, tributos, registros cartoriais, instituições de registros e seguro) usando até 10% do valor total de crédito recebido na contemplação.

9- Estímulo ao consumo responsável

planejamento financeiro consorcio bhminas corretora de seguros

Ao fazer um consórcio, o consumidor planeja-se de acordo com parcelas que cabem no seu bolso. Dessa forma, a modalidade incentiva o consumidor a traçar seu orçamento mensal e a programar o uso dos recursos para a aquisição de bens e serviços, funcionando também como uma “blindagem” contra compras sem planejamento.

10- Menos burocracia

Nos parcelamentos tradicionais, há várias etapas que precedem o início do acordo.

Primeiramente, são apresentados e analisados diversos documentos antes da análise de crédito. Apenas em seguida o financiamento é aprovado e o bem liberado.

O consórcio também é uma linha de crédito, ou seja, é necessário cumprir certos pré-requisitos básicos.

Na contemplação, é necessário comprovar renda e apresentar alguns documentos, mas vale ressaltar que a burocracia aqui é menor que em um financiamento tradicional, pois, como o consorciado é um investidor, seu comportamento no grupo de consórcios no período que antecede o recebimento da carta e o valor amortizado também contam como análise de crédito. Viu que boas vantagens do consórcio?

Portanto, após ter os documentos confirmados e passar na análise de crédito, há a liberação do crédito ao cliente.

11- Uso do FGTS para imóveis

É possível usar o FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) para dar lances a fim de antecipar a contemplação do consórcio e realizar o sonho da casa própria.

Também há a hipótese de usar o Fundo de Garantia para quitar até três parcelas atrasadas do seu financiamento e evitar a inadimplência.

No entanto, vale destacar que, para usar esse recurso, o consorciado precisa:

  • ter três anos de depósito no FGTS — não é necessário que esse período de contribuição seja consecutivo;
  • não possuir nenhum outro imóvel — e que o valor desse bem seja de até R$ 950 mil em SP, MG, RJ e DF ou, no máximo, R$ 850 mil nos demais estados, não importando se está na planta ou não.

Viu só como as vantagens do consórcio são numerosas? Além de ser um bom investimento, esse contrato garante uma boa economia. Isso porque os juros de financiamentos são bem maiores do que a taxa de administração.

Então, quando você for comprar um bem de maior valor, considere essa opção, pois ela poderá trazer um alívio ao seu orçamento

12- Formação ou ampliação de patrimônio pessoal, familiar ou empresarial

O planejamento é a essência do consórcio e também do sucesso financeiro. Por isso, a aquisição de cotas, de forma programada e dentro de suas possibilidades, pode representar uma facilidade para você programar seu futuro, o de sua família e até mesmo o da sua empresa, conquistando bens e ampliando seu patrimônio pessoal, familiar e empresarial. 

Afinal, ao fazer um consórcio, você pode programar a compra de sua casa própria, do carro novo da família ou até mesmo da sede da sua empresa.

Este artigo foi útil? Avalie-nos : )

(31) 3658-7440